decisões

3 coisas que precisas de saber sobre as decisões que tomas

A vida é feita de decisões. São as nossas decisões concretizadas em ações que vão gerar os resultados que obtemos na nossa vida.

As decisões que tomamos a cada dia não vão apenas gerar resultados como ainda novas ligações neuronais no nosso sistema interno. Estas ligações neuronais podem ser favoráveis ou desfavoráveis para a nossa postura futura.

Observo determinados comportamentos que são extremamente nefastos em vários níveis e gostava de partilhar isso contigo:

1- Quando as pessoas dizem que fazem coisas que não fazem estão a dar a conhecer um comportamento provável ao ambiente. O que quero dizer com isto? Sempre que nos comprometemos com outras pessoas para determinadas coisas, ou dizemos aos outros que fazemos determinadas coisas que depois não fazemos estamos a dizer ao ambiente que somos descomprometidos, gerando desconfiança e descredibilizando a nossa palavra pois não é congruente com a decisão que comunicamos. Esta descredibilização quebra uma rotura com o ambiente pois sempre que a pessoa disser que faz determinada coisa as pessoas não vão considerar, sabem que muito provavelmente são será assim pela evidências passadas.

2- Sempre que dizemos que fazemos algo e não fazemos estamos a criar novas ligações neuronais em que o nosso corpo e mente consolidam a ideia de que “nunca faço aquilo a que me proponho”. A próxima vez que a pessoa se propuser a fazer algo, muito provavelmente não vai concretizar pois tem um reforço neuronal, ou seja o seu cérebro assume de forma mais profunda, de que não costuma cumprir aquilo a que se propõe por esse motivo será mais uma vez que muito provavelmente acontece o mesmo.

3- Temos o poder de escolher comprometer-nos com aquilo que queremos e consideramos que podemos fazer. Temos a possibilidade de decidir não nos comprometer com aquilo que sabemos que não é ecológico para nós fazer. Exemplo: se eu sei que não é ecológico para mim fazer uma hora de exercício todos os dias, eu posso decidir fazer meia hora três dias por semana. Será certamente mais benéfico decidir fazer pouco que é viável fazer do que nos comprometermos com muito e não fazer.

Se queres criar credibilidade no teu ambiente e no teu próprio sistema interno compromete-te apenas com aquilo que acreditas que é possível para ti fazer, faz sempre que possível e quando não fizeres que seja porque a vida acontece e não por procrastinação.

Eu ajudo pessoas que se sentem estagnadas a sentirem-se plenas e realizadas, através de um encontro consigo próprias, sem descurar nenhuma área das suas vidas. Podes saber mais sobre o meu trabalho agendando uma sessão de planeamento gratuita Aqui

Artigos Relacionados:

Como estar de volta ao trabalho em Plenitude e realização?… Pós férias!…

Como aumentares a coragem na tua vida? 

Queres mudar a tua realidade profissional e não sabes por onde começar?

Já alguma vez te sentiste marioneta da sociedade? Marioneta da tua empresa?

3 fatores que impedem a tua criatividade

Ferramenta fundamental para criação de uma estratégia que precisas mesmo de conhecer

Leave a Comment

Contactar
Fale diretamente comigo
Olá.
Podemos ajudar?