marioneta da sociedade

Já alguma vez te sentiste marioneta da sociedade? Marioneta da tua empresa?

Já alguma vez sentiste que era como se não tivesses vontade própria?

Já alguma vez sentiste robotizado? Como se não tivesses direito a ouvir-te? Como se não tivesses direito a escutar o que verdadeiramente faz sentido para ti?

Sentes que os teus valores estão a ser postos em causa pelo contexto do teu trabalho?

Sentes que o teu potencial está a ser tolhido pelo contexto de trabalho em que vives?

Tens vontade de mudar de emprego? Tens vontade de dar uma reviravolta à tua vida?

Houve uma altura da minha vida que eu já não me sentia, eu já não me escutava, eu estava verdadeiramente em modo robotizado, eu tinha-me transformado em uma marionete da sociedade, em uma marioneta da empresa para a qual trabalhada. Era como se já não tivesse entusiasmo e alegria de viver.

Para mim é importante dizer-te isto pois nem sempre nos damos conta de como o contexto no qual trabalhamos não está de acordo com o que verdadeiramente nós queremos. Recordo-me de estar a trabalhar numa empresa prestigiada, uma empresa reconhecida a nível nacional. Na verdade quando entrei para a empresa foi uma enorme surpresa pois nem toda a gente conseguia aquele lugar, então nessa altura comecei uma jornada a tentar conquistar o meu lugar na empresa, na verdade eu nem só consegui conquistar o meu lugar como, se eu tivesse ficado teria sido promovida. Porém o que te quero dizer é que a certa altura do meu percurso na empresa eu esqueci-me de me escutar, eu apenas fazia o que era suposto (trabalhar várias horas por dia a fazer várias tarefas ao mesmo tempo) porque numa altura tinha-me feito sentido ficar a trabalhar naquela empresa. Porém eu nunca mais me questionei se me continuava a fazer sentido trabalhar ali, eu nunca mais me questionei se era normal trabalhar tantas horas e fazer várias tarefas ao mesmo tempo. Eu tinha-me acomodado a uma vida robotizada, a uma vida sem entusiasmo, sem sentido. A minha vida era fazer uma serie de tarefas que me tinham dito que era normal eu fazer, porém eu não me escutava, não me questionava se para mim fazia sentido.

Eu ajudo pessoas que se sentem estagnadas a sentirem-se plenas e realizadas, através de um encontro consigo próprias, sem descurar nenhuma área das suas vidas. Podes saber mais sobre o meu trabalho agendando uma sessão de planeamento gratuita Aqui

Artigos Relacionados:

Como estar de volta ao trabalho em Plenitude e realização?… Pós férias!…

Como aumentares a coragem na tua vida? 

Queres mudar a tua realidade profissional e não sabes por onde começar?

Já alguma vez te sentiste marioneta da sociedade? Marioneta da tua empresa?

3 fatores que impedem a tua criatividade

4 coisas que te podem estar a impedir de seres eficiente enquanto trabalhador por conta própria

Leave a Comment

Contactar
Fale diretamente comigo
Olá.
Podemos ajudar?